Bem-vindo à vila Morena!

Hoje
Hoje
Mín C
Máx C
Amanhã
Amanhã
Mín C
Máx C
Depois
Depois
Mín C
Máx C
FacebookPartilharRSSadicionar aos favoritosimprimir

Grândola formaliza constituição do Observatório da Canção de Protesto

Img 8762 a 1 760 1000
02 de Março de 2015

O Município de Grândola, a Associação José Afonso, a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, através do Instituto de História Contemporânea e do Instituto de Etnomusicologia, e a Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense assinaram ontem, 2 de março, o ACORDO DE CONSTITUIÇÃO DO OBSERVATÓRIO DA CANÇÃO DE PROTESTO.

A iniciativa, projetada pela CMG e a AJA, avança agora com os dois novos parceiros, dedicando-se à observação, sistematização e divulgação da informação associada à música de intervenção e protesto, e ao seu estudo, com especial destaque para a forma musical canção. O OBSERVATÓRIO DA CANÇÃO DE PROTESTO, com sede em Grândola, valoriza a herança cultural de todos os que, através da música, se empenharam e empenham na defesa dos valores da liberdade, da fraternidade e da igualdade.

O acordo ontem assinado promove a implementação de uma estratégia de partilha integrada de recursos materiais, documentais e de conhecimento, com o objectivo de desenvolver a salvaguarda do património da música e da canção de protesto produzido e divulgado ao longo dos sécs. XX e XXI. Prevê prioritariamente a promoção da sistematização e divulgação dos núcleos patrimoniais existentes, bem como a sua revalorização documental e arquivística, em termos culturais e musicais, incluindo a realização de iniciativas diversas — encontros, colóquios, congressos, publicações, exposições e espetáculos.